1_pmdb_911.jpg.g

Uberaba pode chegar perto de 1 mil notificações em janeiro. O número de médicos no Centro foi dobrado.

O avanço da Dengue em Uberaba continua preocupando as autoridades de saúde. No primeiro dia de atendimento no recém-inaugurado Centro Especializado em Dengue – CED houve a necessidade de dobrar o número de médicos, passando de dois para quatro por turno. De acordo com o secretário municipal de Saúde, Fahim Sawan, desde a abertura do Centro, às 7h da manhã o movimento foi intenso. Os testes rápidos disponibilizados pelo Governo do Estado chegaram por volta de 9h e auxiliaram no encaminhamento dos pacientes. Cinco detectados com a doença e em estado considerado de risco foram transferidos para hospitais. O CED oferece atendimento simultâneo em 40 leitos/cadeiras de hidratação, mesmo assim houve formação de fila. A triagem dos pacientes foi ampliada para quatro postos. A boa notícia é que as UPAs (Unidades de Pronto Atendimento) já sentiram o efeito positivo do CED, pois houve uma redução no na procura. “Estamos muito preocupados, pois as pessoas que procuraram o CED em sua maioria estavam em estágio avançado da doença. Nós estamos agindo e vamos avançar ainda mais”, disse o secretário.
Fahim, que ainda aguarda o fechamento com números oficiais revelou que o mês de janeiro pode fechar em cerca de mil casos notificados, o que é preocupante, já que em nenhum momento da história da dengue em Uberaba houve uma notificação tão grande nesse mês. “Até sexta-feira (25/01), eram cerca de 700 notificações, mas com o advento dos testes rápidos e o atendimento que estamos proporcionando esse número deve subir e muito. O importante é que a população continue nos ajudando começando o combate dentro de casa”, comentou. De acordo com pesquisas, cerca de 80% dos focos do mosquito transmissor estão dentro dos imóveis. Até o final da tarde de ontem (28) o CED havia atendido 150 pessoas. Vale lembrar que o atendimento é 24h. Fahim fez um apelo para que a população também procure as UBS (Unidades Básicas de Saúde). Todas elas já contam com estrutura para atender casos de dengue, principalmente na questão da hidratação, tanto via oral quanto venosa.
Sociedade – Representantes da Maçonaria, Rotary, Lions e Leo Clube estiveram reunidos com o prefeito Paulo Piau na semana. As entidades vão se juntar a Prefeitura na luta contra a dengue. O prefeito também recebeu apoio da classe empresarial. Várias empresas se propuseram a ajudar com máquinas e equipamentos. Piau que está em Brasília, vai aproveitar a viagem para uma visita ao Ministério da Saúde.

Assessoria de Comunicação Prefeitura Municipal de Uberaba (PMDB-MG)