Reunião Espacial em homenagem aos 40 anos da Defensoria Pública do Estado de Minas Gerais

Para analisar a situação dos jornalistas da Zona da Mata, será realizada uma reunião com convidados na Comissão de Cultura da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) na próxima quarta-feira (17), às 16h, no Plenarinho III, a pedido do deputado Isauro Calais (PMDB). 

Segundo Isauro, a internet provocou uma intensa mudança no mercado do jornalismo. “A Zona da Mata conta hoje com pelo menos 50 empresas de comunicação, esse número inclui portais, jornais impressos, canais de televisão, rádios e sites, que têm o papel de informar pessoas da região. A tendência é que esse número aumente nos próximos anos com o surgimento de novos blogs e portais. Portanto, é fundamental debater a situação do jornalista e também destacar os desafios da nossa imprensa”, afirma.

Ainda de acordo com Isauro, durante o debate outros tópicos serão levantados, como a crise que afeta as redações e provoca demissão de diversos profissionais. Para participar da reunião, foram convidados jornalistas de diversos veículos de comunicação dos municípios da Zona da Mata, além de representantes do Sindicato dos Jornalistas e representantes de universidades que oferecem o curso.