1_pmdb_1184.jpg.g

Participando na manhã de hoje, 19, da abertura do Fórum Brasil Central do Agronegócio, em Sinop (MT), o ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Antônio Andrade, enalteceu a produção brasileira do agronegócio e afirmou que o país se supera a cada ano.

“Estamos melhorando a cada ano e, em 2013, crescemos economicamente 11% em relação ao ano passado. Hoje produzimos soja em maior quantidade que os americanos. Nossa produção é altíssima. Temos sementes, defensivos agrícolas, além de clima bom para as culturas”, disse.

Antônio Andrade também relatou os avanços da armazenagem. No Plano Agrícola e Pecuário 2013/2014 estão sendo destinados R$ 25 bilhões para financiamentos de armazéns privados, a juros de 3,5% ao ano e prazo de até 15 anos para pagamento.

Segundo o ministro, a principal questão do agronegócio brasileiro hoje é o escoamento da produção, feito em boa parte pelo modal rodoviário. Em parceria com demais ministérios, Andrade relatou que quer melhorar as rodovias e escoar a produção também por ferrovias e hidrovias.

“Hoje nossa produção vai toda para o Porto de Santos. Agora com a construção da BR-163 podemos levar nossa produção para o norte, em Santarém. Vamos crescer muito com esta parceria com os ministérios, melhorando a nossa logística”, finalizou.
Esta é a primeira edição do fórum, que acontece entre os dias 19 e 20 de setembro, em Sinop. Serão debatidos os caminhos do agronegócio, como o atendimento das demandas do setor, os rumos e como equilibrar o incremento da produção com a sustentabilidade.

Assessoria de Comunicação Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimnento (PMDB-MG)