parlamentar-lembra-dia-internacional-da-luta-contra-a-aids

No dia 1º de dezembro foi lembrado o Dia Internacional da Luta Contra a Aids, data instituída para conscientizar a sociedade para a importância de prevenir a doença que, hoje, acomete 827 mil brasileiros. A deputada Celise Laviola (PMDB), que em 2016 participou de diversas campanhas pela melhoria da saúde em Minas Gerais, destacou a importância da data. “Chegamos, após longa caminhada, discutindo, com a sociedade, a importância da doação de órgãos, formas de evitar o suicídio e prevenir e lutar contra os cânceres de mama e próstata, em dezembro, mês destacado para lembrar a necessidade de lutar contra a aids e os males causados por esta doença”, lembrou a parlamentar.

Celise destaca que dezembro vermelho é o nome da campanha que alerta, sobretudo, para a prevenção por meio da conscientização. Segundo a parlamentar, por tratar de uma doença sexualmente transmissível, a maneira mais eficiente para evitar sua propagação é a prevenção. “Embora, segundo o Ministério da Saúde, o número de mortes causadas pela doença no Brasil tenha caído 43% nos últimos 20 anos, um novo dado nos deixa em alerta: cerca de 112 mil brasileiros, que convivem com o vírus, não sabem que têm a doença”, alertou.

Causada pelo vírus HIV, a aids é uma doença que afeta o sistema imunológico e deixa seu portador vulnerável. No Brasil, o Sistema Único de Saúde oferece tratamento gratuito aos portadores da doença desde a década de 1980. Hoje, a taxa de detecção está em torno de 19,1 casos para cada 100 mil habitantes, o que representa 41,1 mil casos novos ao ano.

Chuvas

No final do mês de novembro a deputada Celise Laviola esteve em Resplendor, município da região leste do estado, para prestar apoio às famílias atingidas por um temporal que destruiu o distrito de Nicolândia. A parlamentar intermediou, com o Estado, a destinação de recursos para socorrer os moradores. Celise ainda tenta homologar, junto ao governo estadual, pedido para que seja decretado estado de calamidade na cidade.