Plano que prevê recuperação ambiental após desastre de Mariana é recebido pela ALMG - William Dias ALMG

Promover ações para recuperação ambiental das regiões atingidas após o desastre com a barragem de rejeitos da mineradora Samarco em novembro de 2015. Este é o objetivo do Plano de Recuperação Integrado elaborado pela mineradora e entregue ao presidente da ALMG, deputado Adalclever Lopes (PMDB), na manhã da última terça-feira (30).

O Plano, que traz um balanço das ações que já foram realizadas pela empresa para reparar o entorno de suas instalações, também prevê estudos e projetos para recuperação da bacia do Rio Doce. Na ocasião, o documento foi entregue pelo diretor-presidente da empresa, Roberto Carvalho.

No dia 5 de novembro de 2015, uma barragem de rejeitos da Samarco se rompeu e devastou o distrito de Bento Rodrigues, localizado em Mariana, região central do estado. Além de atingir outras cidades, a lama de rejeitos contaminou o Rio Doce inviabilizando a pesca e o abastecimento de dezenas de cidades ribeirinhas.