O Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB) recebe nesta segunda-feira (04), às 19h, na Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) uma homenagem pelos 50 anos de fundação. A iniciativa é do deputado João Alberto que se diz orgulhoso por fazer parte da história do PMDB, “É uma honra fazer parte desse Partido que há cinco décadas tem transformado o Brasil. Um partido que se faz presente na luta pela democracia e que por isso, merece ser exaltado”, afirmou o parlamentar que é filiado desde 1997.

A história do partido começou, em 24 de março de 1966 quando a justiça eleitoral aceitou o registro do Movimento Democrático Brasileiro (MDB), que no futuro viria a se chamar PMDB, devido a reforma política. Com o passar dos anos, o partido se tornou referência na ideologia e nas tendências da politica no páis. Atualmente, é a maior instituição politica brasileira com cerca de 2.420.327 de filiados. “Respeito e democracia fizeram a grandeza desse partido”, observa João Alberto.

A solenidade, realizada logo mais na ALMG, contará também com o lançamento de três livros “Conegundes – Operário da liberdade e da cidadania”, dos autores Bianca Alves e Itamar de Oliveira; “Constituição de 1988 – A semente da liberdade e da cidadania”, de Itamar de Oliveira e a obra “Um médico nos bastidores da política – A história recontada”, de autoria do ex-deputado e presidente do PMDB, Armando Costa.