1_pmdb_958.jpg.g

COHAGRA

O prefeito Paulo Piau e o presidente da Companhia Habitacional do Vale do Rio Grande, Wagner do Nascimento Júnior, entregarão hoje, 27 de fevereiro, a escritura a 70 famílias do Residencial 2000 que quitaram seus financiamentos. Estes mutuários estão inseridos nos projetos de moradia de interesse social que, através de programa habitacional da COHAGRA, possibilitou o financiamento em 60 parcelas em parceria com a Caixa Econômica Federal.

De acordo com o presidente, a companhia procedeu com o trabalho de regularização dos contratos junto ao Cartório de Registro de Imóveis e os mesmos passam a ter efeito de escritura pública, documento que comprova a propriedade do mutuário atendido pelo órgão.

Alerta – O Presidente da COHAGRA explicou que somente receberão as escrituras quitadas e registradas os proprietários originais dos imóveis, não sendo possível a entrega a pessoas que porventura adquiriram os chamados “direitos de ágio” dos mesmos. “Não podemos descumprir os contratos e entregar as escrituras registradas a terceiros, que não sejam os adquirentes originais. Nesses casos, o mutuário que foi atendido pela COHAGRA deve nos procurar para solucionar a questão, pois a finalidade do programa é atender famílias de baixa renda e não promover especulação imobiliária”, alertou Wagner Júnior.

A cerimônia de entrega ocorrerá às 18 horas no Anfiteatro do Centro Administrativo, situado na Avenida Dom Luis Santana, 141 e será aberto à comunidade.

Regularização – Ainda de acordo com o presidente, a COHAGRA está atendendo determinação do prefeito Paulo Piau, no sentido de regularizar imóveis de pessoas de baixa renda, através de ações de usucapião ou desafetação de áreas públicas no município, como forma de promover a inclusão social destas famílias através da moradia. “As famílias que ocupam hoje áreas e imóveis de forma irregular, mas que há anos moram e cuidam de suas famílias, podem nos procurar que promoveremos as ações de regularização de suas casas no sentido de possibilitar a emissão das escrituras de propriedade. O prefeito está sensível a estas situações e determinou que fizéssemos tudo ao nosso alcance para dar mais dignidade à essas famílias”, concluiu.

Assessoria de Comunicação Prefeitura Municipal de Uberaba (PMDB-MG)