DSC_0160

O deputado estadual Thiago Cota, membro efetivo da Comissão de Cultura da Assembleia Legislativa de Minas Gerais, foi homenageado com o certificado e a Comenda Cláudio Manoel da Costa pela sua relevante atuação na área cultural no Estado de Minas Gerais. O agraciamento foi concedido pela Academia de Letras, Artes e Ciências Brasil (ALACIB). A solenidade ocorreu, no sábado (26/03), no auditório do Instituto de Ciências Humanas e Sociais da UFOP, em Mariana.

A presidente fundadora da ALACIB, Andreia Donadon Leal, entregou a medalha para a ex-secretária de Educação de Mariana e ex-presidente da Undime, Elizabeth Cota, que na oportunidade representou o deputado Thiago Cota, ausente devido a um problema de saúde familiar. Durante a reunião, o presidente-executivo da ALACIB, José Benedito Donadon Leal, realizou palestra com o tema “Emoções do Discurso”, com a tratativa de qualificar debates, com a consciência de que as emoções interferem na formulação das enunciações e da fala.

O deputado Thiago Cota agradeceu a presidente Andreia Donadon Leal em nome de todos os membros da ALACIB pela homenagem recebida e afirmou que o reconhecimento pelo trabalho que vem desenvolvendo só fortalece o seu compromisso de trabalhar mais, empenhar mais, e sempre buscar novas formas de fortalecer a cultura mineira. Thiago Cota, em abril de 2015, levou uma audiência pública de Cultura para Mariana e em conjunto com a Comissão de Cultura da ALMG, aprovou requerimento solicitando o aumento do Fundo Estadual de Cultura. Na época, o orçamento previsto era de apenas 420 mil reais e, em junho daquele ano, o Governo do Estado através da Secretaria de Estado de Cultura anunciou o aumento do Fundo para 7,5 milhões de reais.

Outra importante ação do deputado para a cultura da Região dos Inconfidentes foi levar a primeira rodada de debates do Plano Estadual de Cultura para a cidade de Ouro Preto. O evento foi realizado em fevereiro deste ano e contou com a participação popular para traçar as diretrizes da cultura no Estado para os próximos dez anos. Além disso, Thiago Cota trabalhou pela continuidade das atividades no Teatro Klauss Vianna e do Ballet Jovem de Belo Horizonte, viabilizou recursos para a reforma do Museu Alphonsus de Guimaraens, em Mariana, apresentou requerimentos para salvaguardar o Patrimônio Cultural das regiões afetadas pelo rompimento das barragens de Fundão, destinou emendas em favor de Bandas de Músicas da região, entre outras ações.