1_pmdb_916.jpg.g

Uberaba será pioneira em Minas Gerais na implantação do ESUS sistema integrado de gestão da saúde que inclui o prontuário eletrônico disponibilizado pelo Ministério. O anúncio veio do secretário de atenção básica do Ministério, Helvécio Magalhães durante vista do secretário municipal Fahim Sawan. Com o ESUS o atendimento nas unidades de saúde do município será mais ágil e eficaz. Em cada atendimento, seja em qual unidade for, o prontuário eletrônico do paciente estará disponibilizado com informações importantes do seu histórico de saúde. “Além da agilidade na triagem, os médicos terão em mãos toda a trajetória de atendimentos do paciente, ou seja, vamos ganhar também em qualidade”, revelou o secretário.
De acordo com o site da empresa que desenvolveu o programa, o ESUS auxilia, controla e integra diversos setores de uma Secretaria ou Unidade de Saúde, além de permitir acompanhar o histórico de saúde do paciente sob alguns aspectos como: atendimentos realizados, dispensa de medicamentos e realização de exames, emitindo comprovantes para facilitar o controle pela Unidade de Saúde e pelo próprio paciente.

Possui módulos como: Cadastro, Consulta, Farmácia, Exames, Emergência, Faturamento, Almoxarifado todos amigáveis com Manual de utilização. O programa disponibiliza relatórios operacionais e estatísticos, com diversos filtros intuitivos, auxiliando nas tomadas de decisões gerenciais. O software possuí também ferramentas de suporte Online, como Skype e HelpDesk, além de treinamento especializado e suporte presencial. A implantação será a mais rápida possível. O Município terá que investir em equipamentos de informática. O Governo Federal também garantiu recursos para as despesas com pessoal do CED – Centro Especializado em Dengue, incluindo médicos e enfermeiros. “Uberaba foi muito bem recebida no Ministério. Eles entenderam que todas as nossas medidas estão sendo adequadas, principalmente na questão do acolhimento”, comentou

Assessoria de Comunicação Prefeitura Municipal de Uberaba (PMDB-MG)